Hoje começamos um novo capítulo, dentre muitos, assim espero, onde vamos tratar de um assunto fascinante e comum a todos os seres humanos: as nossas mãos!

As mãos nos servem em nosso cotidiano para construir e edificar o traçado de nossas vidas. Revelando o nosso interior , quem somos e o que somos capazes de realizar.

Imagine a vida sem as mãos!
Biblioteca General Antonio Machado
Imagine a vida sem as mãos!


Que falta nos faria a vida sem as mãos, pois possuem funções tão ricas e complexas que nos é difícil imaginar sem esta parte tão expressiva do nosso corpo.  Mãos que acariciam, apoiam, consolam, animam, questionam, imploram, cumprimentam, despedem, trabalham, criam... Enfim, assim vai, de modo que agora iremos estudar um pouco sobre como elas funcionam, como diferenciar seus formatos, como interpretar seus movimentos, como entender um ao outro, mesmo quando se imagina não estarem dizendo nada. 

As mãos são constituídas de 27 ossos unidos entre si por tendões, ligamentos e inúmeros músculos. Podendo agarrar centenas de quilos, partir várias tábuas empilhadas, esmagar tijolos, entortar barras de ferro, como também, fazendo a mais delicada cirurgia com a precisão necessária e tocar as mais belas melodias. Portanto as nossas mãos exprimem os nossos desejos e assistem as nossas necessidades de expressão e comunicação.

Quem ama a liberdade, conquista sua independência.¨


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.